O Vamos Contar é o ponto de encontro do IBGE com os educadores. Este é um site pensado para oferecer informações atualizadas sobre o Brasil por meio de atividades e recursos para as aulas.


Vamos, agora, utilizar um exemplo onde o número de elementos do conjunto de dados seja par.

Utilizemos o conjunto de dados formado pelo número de crianças existentes nos municípios do Estado do Rio de Janeiro, conforme o Censo de 2010. A quantidade de municípios é de 92. A tabela com os dados dos municípios está disponível neste link.

Lembre-se que:
Se a quantidade de elementos da amostra for uma quantidade par, então a amostra terá dois elementos centrais e a Mediana será a Média Aritmética entre eles.

Devemos, então:

  • Colocar os dados em ordem crescente;
  • Encontrar o primeiro elemento da amostra para o cálculo da Mediana:
    Elemento da amostra que se encontra na posição 46: 34.416 (quantidade de residentes do município de Vassouras);
  • Encontrar o segundo elemento da amostra para o cálculo da Mediana:
    Informação da amostra que se encontra na posição 47: 35.347 (quantidade de residentes do município de Casimiro de Abreu);
  • A Mediana será a média aritmética entre esses dois valores:
    (34.410 + 35.347) / 2 = 34.878,5

Passamos a saber que:

  • Valor Mínimo: 5.269 − O município de Macuco possui a menor quantidade de crianças do Estado do Rio de Janeiro;
  • Valor Máximo: 6.320.446 − O município do Rio de Janeiro possui a maior quantidade de crianças do Estado do Rio de Janeiro;
  • Como a Mediana é 34.878,5, então:
    • Metade (50%) dos municípios do RJ possui quantidade de crianças menor que 34.878,5, e;
    • A outra metade (50%) possui a quantidade de crianças maior que 34.878,5;
  • O valor 34.878,5 não faz parte do conjunto de dados (amostra).

© 2017 IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística